Hubble descobre lua em Makemake, planeta anão “vizinho” de Plutão

27/04/2016
.

Por Luana Maria Benedito

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar registrava alta acentuada contra o real na manhã desta quinta-feira, refletindo o clima global de maior aversão a risco em meio a dúvidas sobre a disseminação da Covid-19 e sobre as negociações de um pacote de estímulo nos Estados Unidos, enquanto o fiscal e a economia domésticos continuavam no radar.

Às 10:19, o dólar avançava 0,31%, a 5,6205 reais na venda, enquanto o principal contrato de dólar futuro subia 0,48%, a 5,622 reais.

Notícias de lockdowns em grandes economias europeias devido a uma segunda onda da Covid-19 direcionavam os mercados mais amplos nesta quinta-feira, afetando o apetite por ativos arriscados em meio a temores sobre o impacto econômico das medidas de combate à pandemia.

"Hoje não tem muito segredo: o real acompanha as principais moedas", disse à Reuters Daniel Herrera, analista da Toro Investimentos. "Parece prevalecer um clima mais negativo, principalmente na Europa, com os casos de Covid subindo muito rápido."

Além disso, disse Herrera, a notícia de que o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steve Mnuchin, disse na quarta-feira ser difícil chegar a um acordo com o Congresso para um pacote de auxílio antes das eleições presidenciais de 3 de novembro colaborava para a cautela internacional.

Dados desta quinta-feira mostraram que os pedidos semanais de auxílio-desemprego nos EUA aumentaram inesperadamente na semana passada, o que pode elevar os temores de que a pandemia de Covid-19 esteja causando danos duradouros ao mercado de trabalho da maior economia do mundo, ressaltando a urgência de mais apoio fiscal no país.

Enquanto isso, no Brasil, a saúde das contas públicas e o caminhar da agenda de reformas do governo continuavam no foco dos investidores.

"Seguimos acompanhando o noticiário brasileiro, mas fica difícil sair uma reforma mais robusta este ano, e o mercado trabalha em modo de espera", comentou Herrera.

Dúvidas sobre como o governo financiaria um novo projeto de assistência social sem furar o teto de gastos e atrasos na apresentação das reformas estruturais --promessas eleitorais do presidente Jair Bolsonaro-- foram apontados como fatores que colaboraram para uma disparada recente do dólar em relação ao real.

O patamar atual do dólar representa uma alta de quase 8% desde o final do mês de julho. No acumulado de 2020, diante também de um ambiente de juros extremamente baixos, a moeda norte-americana apresenta salto de cerca de 40% contra o real.

Na véspera, o dólar negociado no mercado interbancário teve alta de 0,40%, a 5,6033 reais na venda.

Neste pregão, o Banco Central fará leilão de swap tradicional para rolagem de até 10 mil contratos com vencimento em abril e julho de 2021.

Terremoto obriga Equador a aplicar reformas fiscais postergadas

27/04/2016

O presidente do Supremo, Luiz Fux, marcou para a próxima quarta-feira o julgamento sobre a decisão do ministro Luís Roberto Barroso de afastar do cargo o senador Chico Rodrigues (DEM-RR). Desemprego diante da pandemia bate recorde e atinge mais de 14 milhões de brasileiros, segundo o IBGE. Após revelação de trechos da sentença que condenou o atacante Robinho por violência sexual, o jogador tem contrato suspenso com o Santos.

Suspeito de desvios

presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, marcou para a próxima quarta, dia 21 de outubro, o julgamento sobre a decisão do ministro Luís Roberto Barroso de afastar do cargo o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), flagrado com R$ 33 mil escondidos na cueca durante busca e apreensão da Polícia Federal.

O pedido de julgamento pelo plenário foi feito pelo próprio Barroso. Na quinta, o ministro determinou o afastamento do senador. Agora, cabe ao Senado decidir se mantém ou não o político afastado. Do mesmo partido de Rodrigues, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, afirmou que aguardará ter conhecimento da íntegra da determinação antes de adotar qualquer medida.

Fórum Cocó analisa proposta do Governo e quer inclusão de quatro áreas

27/04/2016

A Organização Mundial da Saúde informou que vai fazer testes para avaliar anticorpos monoclonais e outros medicamentos antivirais como possíveis tratamentos para enfrentar a Covid-19. A OMS também afirmou que a hidroxicloroquina e mais 3 antivirais são ineficazes na luta contra a doença.

No Reino Unido, um estudo quer infectar voluntários para testar a vacina. O procedimento é visto como uma maneira de acelerar o processo, mas divide opiniões de pesquisadores. Para alguns, a técnica é antiética por não existir ainda tratamento eficaz contra o novo vírus.

Itália sob alerta

Aplicativos


 Locutor no Ar

AutoDJ

Piloto Automático

Peça Sua Música

Name:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

01.

Anderson Freire

Raridade

02.

Bruna Karla

Advogado Fiel

03.

Aline Barros

Casa do pai

04.

Anderson Freire

Acalma o meu coração

05.

Aline Barros

Ressuscita-me

Anunciantes